#!vm;utf-8 Como escolher um bom serviço de hospedagem – UOL HOST Academia GESTÃO DE EMPRESAS

Como escolher um bom serviço de hospedagem

Dentre os serviços oferecidos por provedores, a hospedagem é certamente um dos mais antigos. Desde o início da internet comercial, pode-se pagar uma mensalidade para abrigar uma home page em um servidor (ou até mesmo fazer isso de graça, aceitando algumas limitações).

Isso não significa que se trate de uma decisão simples e fácil para a maioria das pessoas. Cada detalhe é importante para garantir que a página fique no ar, sem sofrer nenhum tipo de instabilidade.

Dados da empresa inglesa Netcraft mostram que, em 2012, havia 634 milhões de sites em todo o planeta. Só no ano passado, foram criados 51 milhões deles. O número mostra que, por mais antigo que seja esse serviço, ele ainda é um dos mais importantes da web mundial. Por isso, não faltam alternativas. Escolher a melhor opção pode virar um desafio.

Veja, a seguir, algumas dicas de como contratar um bom plano de hospedagem.

1. Planeje o seu site

Antes de fazer qualquer escolha, você precisa saber exatamente como será o seu site. Planeje com cuidado a estrutura da página e veja exatamente o que será necessário. Haverá um banco de dados? Será uma loja virtual? Quantos visitantes você vai receber por mês? Saber o limite mensal de transferência de dados também é muito importante.

2. Pense no longo prazo

Quando você tiver a ideia final de como será a sua página, pense no longo prazo. Não tenha medo de ser ambicioso. O importante é ver como você pretende fazer o site crescer e comparar sua expectativa com os serviços oferecidos pelo provedor. Vários deles permitem mudar para um plano com mais recursos.

3. Compare os benefícios extras

Atualmente, os provedores oferecem pacotes de serviços extras que são muito úteis. Entre eles está a oferta de domínio gratuito por um período (o endereço do seu site na web), endereços de e-mail e bancos de dados. Veja qual deles traz mais benefícios dentro do que você planejou. Ter e-mails que terminem com o seu domínio é fundamental para se relacionar com consumidores. Isso traz confiabilidade. Dá para fazer backup?

4. Estude os métodos de pagamento

A modalidade de pagamento varia de acordo com o provedor. Há empresas que permitem o pagamento mensalmente, a cada trimestre, a cada semestre ou a cada ano. Quanto maior o período contratado, maior o desconto. Ter flexibilidade também é bom para que você programe os gastos de acordo com seu faturamento.

5. Verifique os canais de suporte

Com internet não se brinca. Problemas podem acontecer, nos horários mais imprevistos. Por isso, verifique quais são os canais de suporte oferecidos, e se eles estão disponíveis 24 horas por dia e sete dias por semana. Nunca se sabe quando você precisará de uma ajuda.

Compartilhar:
#!vm;utf-8